22 de outubro de 2017

Parque Eólico Rio do Fogo

As atividades do projeto AULAS DE ENERGIA incluem a visitação a um dos dois parques eólicos existentes na região de Rio do Fogo no estado do Rio Grande de Norte. O primeiro a entrar em operação foi o de Rio do Fogo.  Isso aconteceu no dia 15 de junho de 2006, quando a ENERBRASIL, empresa do grupo Iberdrola, deu início ao seu projeto eólico “RN15 – Rio do Fogo”, como ele foi oficialmente denominado.

O Parque Eólico de Rio do Fogo é o primeiro projeto de energia eólica incentivado pelo PROINFA – Programa de Incentivo às Fontes Alternativas de Energia, do Ministério de Minas e Energia e da Eletrobrás e contou com o financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Social – BNDES.

Rio do Fogo tem uma potência instalada de 49,3 MW.
Rio do Fogo tem uma potência instalada de 49,3 MW.

Este parque conta com 62 aerogeradores de 800 kW (E-48 – Wobben/Enercon), interligados por um circuito de média tensão em 34,5 kV, uma subestação elevadora de 34,5/69 kV, e uma linha de conexão de 69 kV com 55 km de extensão que interliga o parque eólico à subestação Extremoz, de propriedade da Distribuidora Cosern.

O parque tem duas estações meteorológicas com sensores de medição anemométricos, de temperatura do ar, pressão atmosférica e umidade relativa.